Blog posts

Vale apena pagar este preço! Parte 2

Vale apena pagar este preço! Parte 2

Notícias, Palavras que edificam

“O Reino dos céus assemelha-se a um tesouro escondido no campo. Certo homem, tendo-o encontrado, escondeu-o novamente. Então, transbordando de alegria, vai, vende tudo o que tem, e compra aquele terreno. Da mesma forma, o Reino dos céus é como um negociante que procura pérolas preciosas. E, assim que encontrou uma pérola valiosíssima, foi, vendeu tudo o que tinha e a comprou.

(Mateus, 13: 44-46)

Querido leitor, seguiremos esta semana tocando um pouco mais neste tema, pois cremos que ainda há muitas riquezas para extrair desta passagem. Recordando que a última publicação nos mostrou que, para achar algo, o primeiro passo é buscar. Quando se trata de algo valioso, um tesouro, esta busca vai requerer maior tempo, dedicação e atenção da parte daquele que o busca, por isso, temos que estar com os olhos e coração abertos para encontrarmos.

O texto nos fala de alguém que encontrou um tesouro escondido, ou seja, alguém já havia deixado este tesouro ali, este homem teve somente o trabalho de procurar, buscar algo precioso, sair de sua zona de conforto, mas aquele que escondeu o tesouro foi quem mais trabalhou, trabalho de procurar, buscar, juntar, carregar, abrir a terra e enterrar ali o tesouro. Tudo que encontramos não teve um trabalho nosso, mas teve o trabalho de alguém.

O Reino dos céus veio através de Jesus Cristo. Deus que se esvaziou de Si mesmo, deixando Sua glória, se fez homem; como homem se fez servo, como servo foi obediente até a morte, e morte de cruz. Logo que ressuscitou, nosso Senhor colocou todas as riquezas de Deus no Espirito e quando cremos em Seu Nome, em Sua Obra completa, é neste momento, que encontramos “o tesouro”. É um grande privilégio, pois é o que tem de maior valor. E, portanto, devemos lhe dar a maior importância.

Para ter o direito de usufruir deste tesouro, aí sim há um preço, que é vender tudo. O tesouro está num campo, e quem for o dono dele tem o direito sobre o tesouro. Muito se fala do tesouro, que é o mais importante. Mas, sem adquirir o campo estaríamos querendo fazer uma apropriação indébita ou obter um enriquecimento ilícito. Assim, o preço do campo é vender tudo por ele. O preço dele é desfazer do que é mal assim como daquilo que é bom aos nossos próprios olhos, pela alegria de possuir tal tesouro.

Afinal o que seria esse campo a ser adquirido com o preço de tudo que temos? O campo somos nós mesmos. Aonde está situado o tesouro? O Reino de Deus, que é o tesouro, foi escondido dentro de nós, pois é a própria presença do Senhor em nós. Para gozar de tudo é preciso vender tudo aquilo que temos, que é nada diante de tal tesouro. No Reino, ganhamos se perdemos, vivemos se morremos, reinaremos se servirmos, conquistamos se fomos conquistados pelo Senhor, somos sábios se formos loucos para o mundo, ficamos ricos nos tornando pobres, herdamos a terra se somos mansos de coração, seremos exaltados se nos humilhamos, seremos primeiros se ficamos por último, seremos colocados ao lado do Senhor na ceia se nos assentarmos nos últimos lugares, e gozaremos das bodas não sendo os convidados. Para comprar esse campo temos que abdicar de ser senhor de nós mesmos, de nossos corpos, de nossa vontade, de nossas ideias, de nossas posições, de nossos valores, se queremos gozar de tal tesouro, o Senhor Jesus precisa ser o Rei de nossas vidas!

“Interrogado pelos fariseus sobre quando viria o Reino de Deus, Jesus lhes respondeu: “ Não vem o Reino de Deus com visível aparência. Nem dirão: ‘Ei-lo aqui! ’ Ou: ‘Lá está! ’. Porque o Reino de Deus está dentro vós! ”

Lucas, 17:20-21

Leave a Comment